Ir para o conteúdo principal

É profissional na saúde?

Acesse aqui

Adesão ao tratamento com GH: anos de cuidado que fazem a diferença

Para a maioria dos pacientes com deficiência de hormônio do crescimento (GH), o tratamento envolve injeções diárias de hormônio do crescimento, geralmente por muitos anos. Tal como acontece com muitas outras condições crônicas, a não adesão ao tratamento é um problema e pode afetar negativamente os resultados.¹

No entanto, o sucesso da terapia é negativamente afetado pelo número de injeções esquecidas. Ou seja, uma baixa adesão à terapia está associada a respostas não tão positivas.1,2

Portanto, a adesão ao tratamento exatamente como prescrito pelo médico é fundamental!
Os pacientes devem compreender os benefícios da terapia com hormônio do crescimento em longo prazo e se envolver em seu tratamento.

Tenha uma relação aberta com seu médico. Tire suas dúvidas em relação à doença e ao tratamento, incluindo dificuldades de administrar as injeções e efeitos colaterais da terapia, por exemplo.
Conte suas expectativas em relação aos resultados do tratamento. Participe ativamente de seu tratamento e melhore sua qualidade de vida!

Referências:

  1. Medscape. Recognizing and Overcoming Adherence Barriers in the Pediatric Setting: An Expert Interview With Pinchas Cohen, MD. Disponível em http://www.medscape.org/viewarticle/728560. Último acesso em 21/07/2017 às 17 horas.
  2. Sally Tollerfield, Sherwin Criseno, Miriam Fallon, Carly Jennings, Julie Jones, Anne C Marland, Lee Martin, Stephanie Ward, Alison Webb and Amanda Whitehead. SAT-763: Transition and Compliance in Long-Term Growth Hormone Therapy: Strategies to Improve Treatment Outcomes. Endocrine Society’s 98th Annual Meeting and Expo, April 1–4, 2016 – Boston.